Pages

sexta-feira, 15 de junho de 2007

As provas de bioquímica...

Hoje (quinta-feira, dia 14) tive a minha segunda prova de bioquímica na faculdade e (com o perdão dos termos) me fodi de novo. Um amigo brinca que vai me colocar ajoelhada no milho sempre que eu tirar notas baixas... se esse fosse o trato, já estaria com meus joelhos em carne viva. Tirei várias notinhas. Mas pretendo melhorar. O mais problemático é bioquímica mesmo. O bicho pega. Até porque estou sem base e também porque sempre odiei química no colégio (embora as aulas de laboratório fossem bem interessantes - só conseguia entender um pouco o que acontecia em química nessas aulas de laboratório, onde as coisas "se materializavam"...).

Hoje também teve eleição para eleger o diretor e o vice-diretor da faculdade. Votei na Chapa 2 porque as pessoas envolvidas parecem ter mais "pé no chão".

Como estou continuando a escrever esse post hoje (quinta, dia 21), porque tive problemas de conexão e não pude publicar no dia certo, já fiquei sabendo que a Chapa 1 venceu a eleição. O candidato dessa chapa provavelmente tinha mais contatos dentro da faculdade. O voto dos alunos vale só 15% do total... isso porque muita gente não foi votar. Sei que cada um é cada um, mas não deixo de sentir uma COISA porque umas pessoas não estão nem aí. É como se a faculdade não dissesse respeito a elas... só querem se formar e o resto não importa. Nada importa. Ou eu é que me importo com coisas insignificantes, né? Sei lá. Sempre achei que a gente deveria estar ciente das coisas que nos rodeiam, principalmente das coisas que podem nos afetar diretamente, mas, no fundo, talvez nada disso importe. Quando a gente morrer, ter tido consciência (ou não) não vai fazer muita diferença para o mundo. (É, um certo desalento está tomando conta de mim.)


Nenhum comentário: