Pages

terça-feira, 14 de julho de 2009

Enfrentando meus medos

Um dos sonhos que tive a noite passada me deixou em pânico.

Eu estava em um prédio branco por dentro, aparentemente sem móveis, seguindo algumas pessoas. Não sabia o propósito de estar lá. Quando cheguei em uma espécie de pátio, vi algumas pessoas matando cachorros a pauladas. Uma pessoa perto de mim comentou algo do tipo: "ele não quer morrer, está gemendo". Eu me joguei no chão, comecei a chorar, muito desesperada, eu não queria estar vendo nem presenciando aquilo - por que as pessoas estavam matando animais indefesos? O que era aquilo?? E os cachorros não fugiam das pauladas, parecia que eles aceitavam. isso como se fosse o destino deles. E eu não conseguia parar de chorar e nem tentar deter essas pessoas. Foi quando acordei.

2 comentários:

Crisão disse...

Medo!

o_o

Passível de zilhões de interpretações, mas arrisco dizer que esse pesadelo está intrinsicamente atrelado ao seu atual trabalho. Casa em construção/sem móveis = sem identidade. Seguindo pessoas = idem. Vc é o cachorro indefeso... ai que pesadelo triste! esquece isso.

Vamos sim. Vou t escrever um email!

bjs

onibus168 disse...

Hunn, sonho agitado! Não saberia decifrar... Talvez vc deva cobrir melhor os pés!? Eu tenho pesadelos quando não durmo de meia no inverno!
Eu sempre sonhava com gatos molhados quando estava enjoada.Não sonho mais.Agora gosto de gatos. Só vc mesma pra saber o significado...ou Freud...ou deixa isso quietinho antes que surjam teorias de problemas sexuais ou com sua mãe!ehe
Vc pode também jogar no bixo!
É tão bom sonhar, faz tempo que não sonho ou não me lembro deles pela manhã.
Acho poético seus sonhos com crianças...
Estou tentando escrever de novo! Nesse, porque eu, avoada que sou, esqueci a senha do "Margaridas Elatadas". TÄdinhas, ficarão enlatadas pra sempre.
AMO-LHA!
bj