Pages

domingo, 11 de abril de 2010

Sobre a aula de tcheco de sábado

Curiosos?

Eu também estava! =)

Gente do céu. Ainda não consegui acertar como chegar na União Cultural Tcheco-Brasileira de transporte público. Peguei o metrô até a estação Vila Mariana, depois, peguei um bus chamado "Vila Natal", o cobrador falou para eu descer em um ponto e achei que estava superperto, aí, quando fui me informar, as pessoas me diziam: "Tá superlonge, viu?" (ou seja: não dava para chegar a pé - acabei pegando um outro ônibus sentido Santo Amaro, desci onde a cobradora indicou, mas ainda estava longe!). Peguei um táxi e, mesmo assim, cheguei uns minutos atrasada. Preciso dar um jeito nisso. A volta foi tranquila. Me enfiei em um ônibus chamado "Cupecê", desci um tempo depois, atravessei a tal av. Cupecê e, do outro lado, peguei um outro ônibus que me deixou na estação de metrô Jabaquara (última estação da zona sul, eu moro perto da última estação na zona norte, só para vocês terem noção da minha força de vontade! ;).

Bom, sobre o curso: adorei a professora! Ela é tcheca mesmo e se chama Petra - impressionante como fala bem o português (um dia falarei tcheco como ela fala português?, pensei nisso enquanto ouvia ela falando português durante a aula). Na minha turma deve ter umas 30 pessoas, e a gente se senta em carteira e cadeira, formando um "U", a professora fica circulando nesse espaço no interior do "U" que as carteiras formam, enquanto desenvolve a aula. Me empolguei, mas já deu para perceber que a língua é difícil - a mais difícil que já vi até hoje... supera o alemão (tanto na pronúncia quanto na gramática e no vocabulário - como no alemão, tem palavras femininas, masculinas e neutras, mas a pronúncia é algo impronunciável às vezes, socorro!).

O mais legal do mundo: a professora parece adorar difundir a cultura dela e disse que vai organizar exibição de filmes tchecos (sem legenda, ai ai ai!) e também palestras sobre música clássica tcheca e oficinas de culinária. Amei. Vou tentar participar de tudo isso.

E o que mais?

Ah, a professora comentou que hoje foi praticamente a primeira aula, ou seja, não devo ter perdido muita coisa na aula do mês passado. Hoje ela deu uma musiquinha chamada "Jedna, dvě, Honza jde". Achei a letra e a tradução no fotolog de uma menina que também está fazendo o curso (não sei se está na minha sala); alterei um pouco algumas coisas, de acordo com as minhas anotações:

Jedna, dvě, Honza jde
Um, dois, Honza ("Joãozinho") vai

Jedna, dvě, Honza jde
Um, dois, Honza vai

nese pytel mouky
levando um saco de farinha

Máma se raduje
Mamãe se alegra

že budel péct vdolky
pois vai fazer vdolky [vdolky é um doce tcheco, parecido com o nosso sonho]

Nepekla, nepekla
Não fez, não fez

Honza skočil do Pekla
Honza pulou para o inferno

Pekla, pekla
Fez, fez

Honza přišel z pekla
Honza voltou do inferno

É uma canção infantil que brinca com os sons. Não faz muito sentido, mas eu gostei do som. A gente cantou isso em aula, foi legal! =)

A Shar comentou uma vez que quando ela ia para algum lugar estranho, a primeira coisa que ela procurava aprender era como se dizia "obrigado(a)" na língua local, como quando ela foi para a Polônia. Gostei da ideia dela, então vou dizer como se diz "obrigado(a)" em tcheco: "děkuji" [se pronuncia "dekuii" ou algo parecido com isso].

Enquanto amigos postam rock, MPB, underground, eu posto... música infantil tcheca! Haha. Aí vai:



Não consegui postar o arquivo só de música que a professora mandou por e-mail, mas achei esse videozinho caseiro no Youtube com a tal música. Essa deve ser uma típica criança tcheca ;D.

Encontrei isto aqui, enquanto procurava algum outro site que tivesse a música (sem vídeo). Deve ser um site de uma editora tcheca. Fala se não dá um desespero?

Também encontrei esse site: myCzechRepublic, com algumas frases básicas.

2 comentários:

Cara de pau disse...

Nossa, que volta! Pelo mapa, a Av.Cupecê é um tanto mais próxima da Unitcheco do que a Estação de metro Jabaquara! Enfim, aprende a usar o GoogleMAPS, lá eu tracei "De:Tucuruvi - Para:União Cultural Tcheco-Brasileira" e marquei "transporte público", daí ele me deu as estações do metro, as linhas do ônibus, o tempo do percurso(1hora e 12 minutos)... Da tucuruvi desce na tiradentes...pega o onibus linha 175T-10 (o serviço funciona a cada 7 minutos segundo o google), salta na 23 de maio, pega outro onibus linha 5611-10(funciona a cada 15 minutos), salta na washington luis e caminha 16 minutos até a cassiano ricardo... nem passa na estação de metro jabaquara... Tenta seguir o google e depois comenta se ele tá atualizado e é confiável!

aline naomi disse...

E eu não imprimi o Mapa do GoogleMaps? Mas não funciona muito. E, para a minha surpresa, nem o site da SPTrans (ônibus, linhas e horários daqui) funciona direito. Deve estar desatualizado e o bus que peguei nem passa na avenida perto da UniTcheco!
Vou dar um jeito de descer na estação Conceição ou no Jabaquara e ver se de uma dessas estações sai algum bus para a UniTcheco sábado que vem.
Nessas horas eu queria ter um carro... :)