Pages

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Agora tenho trilhas sonoras...

... quando vou para o trabalho.

Estou indo de ônibus (pego um até a estação de metrô Santana e, depois, o Butantã/USP), aí, enquanto olho a paisagem urbana pela janela (em geral, vou sentada e perto da janela, nem acredito - é o tal contrafluxo... adoro o contrafluxo!), vou ouvindo umas músicas que estavam no micro lá da casa dos meus pais e baixei no celular, quando o comprei, há um ano e meio mais ou menos. Tem de tudo. 90% são coisas que amigos me recomendaram e/ou me mandaram o arquivo. Quando eu tiver um MP3 player, vou conseguir colocar mais coisas, mas, por enquanto, tem: Ella Fitzgerald, Zeca Baleiro, James Blunt, Jorge Drexler, Keane, Kelly Clarkson, Sixpence Non The Richer, ERA, Bebe (uma cantora espanhola, que uma amiga portuguesa, a Patri, apresentou - ela gravou um CD dessa cantora e me enviou há alguns anos), The Jesus and Mary Chain, Laura Pausini, Joan Armatrading, Papas da Língua, Counting Crows, Carla Bruni, 10.000 Maniacs, The Ronettes (Be my little baby - tocava numa propaganda de jeans quando eu era criança... depois de muito tempo consegui identificar e encontrar a música!), Kansas, Echo and the Bunnymen, Fiona Apple, Fito Paez, Françoise Hardy, Procol Harum (A Whiter Shade of Pale - essa música inspirou um conto homônimo da Lygia Fagundes Telles! muito bom o conto, baseado em uma história que o Carlos Drummond de Andrade contou para ela... *mistério* leiam um pouco mais sobre isso aqui! e depois leiam o conto, eu recomendo! :), Kraftwerk, Legião Urbana, Lô Borges, Nando Reis, Pink Floyd (Wish you were here!), Gotan Project, Pow Wow, Rita Lee (Amor e Sexo), Skank, Temptations, Tom Petty, Zélia Duncan, Isabelle Boulay.

Tudo junto e misturado. Porque meus amigos são ecléticos e eu quero ouvir as trilhas sonoras da vida deles também! ;) Acho que da próxima vez que me perguntarem o que quero ganhar de aniversário, vou dizer: "Me grava um CD com as suas 10 ou 15 músicas preferidas!, aí vou lembrar de você sempre que ouvir essas músicas..." :). Quando eu ia para o trabalho e/ou para a faculdade de carro lá em São José, eu colocava uns CDs que amigos me davam - a parte boa de se dirigir um carro: poder ouvir o que quero, afinal de contas eu estou dirigindo. Tinha um que a Crisinha fez para mim que não saía do porta-luvas - vou trazer pra cá. No domingo, trouxe um que a Tati gravou para mim faz tempo (ela descobria umas coisas diferentes, umas bandas islandesas e coisas do tipo (haha) e me dava para ouvir - eu adorava e ela ia adorar umas coisas tchecas que tenho descoberto *saudades*).

Fiquem agora com Just like honey, da banda The Jesus and Mary Chain, que eu conheci quando vi o filme Lost in Translation (um dos meus preferidos):



7 comentários:

Min disse...

Ahhh! Adoro tantas bandas que tu citou!
Poxa, vou fazer um cd especial pra ti com músicas que amo, espero que goste! *--*
Hmm, eu escuto musicas indo pro trabalho (40 min de bus!). Hehehe. Adoro!
Poxa... saudades de papear.
Beijão!

aline naomi disse...

Minnn, meu níver é só em dezembro, ok? ;) Mas vou adorar um CD com as suas "mais mais". Gosto de ouvir músicas e lembrar de pessoas... a música é mesmo incrível!

Beeijo!

.:*Mandy*:. disse...

Acho bacana isso das pessoas se interessarem pelos gostos musicais de outras. É como diz o Rob em "Alta Fidelidade": você é o que você ouve.
Se bem que muitas pessoas que conheço só ouvem porcaria mas ao mesmo tempo são gente fina. Talvez não se deva levar ao pé da letra essa frase.
Já eu sou uma pessoa esquisita que coleciona (muita) música diferente desde a época de escola. Graças ao orkut não estou mais tão isolada do mundo, há pessoas que também são assim ^^

aline naomi disse...

Mandy,

eu já tinha ouvido "você é o que você come". Já "você é o que você ouve", never! :)

Vou tentar não desenvolver um gosto musical muito péssimo pra gente poder continuar trocando, ok? haha Mas já percebi que as música muito "gritadas" e "barulhentas" me deixam atordoada (eu não consigo me concentrar e nem pensar direito), então tentarei evitar essas, mas, de resto, estou ouvindo um pouco de tudo... vi a Gaga cantando "Alejandro" hoje. Achei muito Madonna =/ - não que Madonna seja chato, mas eu gosto mais das coisas dela que não me fazem lembrar nada parecido. Gosto daquela que parece Ace of Base, "Eh, Eh, Eh, [algum outro som que não lembro :)]"!

aline naomi disse...

Se bem que muitas pessoas que conheço só ouvem porcaria mas ao mesmo tempo são gente fina. >>> HAHAHAHA! Sim, é verdade. Mas não vou ficar falando muito porque ainda nem sei se o que vou gostar de ouvir é "porcaria" =P

.:*Mandy*:. disse...

Pois é. O "porcaria" na maioria das vezes é subjetivo. No entanto, coisas como "Rebolation" e "Festa no Apê" dispensam comentários, hehehehe
Só ouvindo bastante coisa ao longo dos anos para ter um gosto pessoal (eu meio que defini o que gosto e o que não gosto... mas só agora, com 23 anos!).
Semana passada um amigo de um amigo meu revelou que não gosta de música! Ou melhor, que não ouve a não ser no carro. É estranho para mim, que sou ávida consumidora/pesquisadora desde criança... mas taí, tem gente pra tudo nesse mundo, né? Eu sou bizarra pra muita gente tbm, hahahahaha
Beijos e boa semana =*

aline naomi disse...

Eu gosto de "rebolation", algum problema, Mandy?? Hahaha!

Ah, na minha fala anterior, quis dizer que gostava da tal música da Gaga APESAR de ela parecer Ace of Base... :)

Que estranho seu amigo... haha! Se bem que eu tb não fico tão atrás =P Mas eu gosto de música, só não sei quais ainda...

Beeijo!