Pages

sexta-feira, 21 de maio de 2010

“Precisamos dar um sentido humano às nossas construções. E, quando o amor ao dinheiro e ao sucesso nos estiver deixando cegos, saibamos fazer pausas para olhar os lírios do campo e as aves do céu.”

(Érico Veríssimo – Olhai os Lírios do Campo)


A Célia, revisora lá da editora, que mandou esse pensamento do dia. Gostei.

Nenhum comentário: