Pages

quarta-feira, 16 de março de 2011

MAC - Museu de Arte Contemporânea, USP

No sábado retrasado fui para o MAC (Museu de Arte Contemporânea) que fica na USP - também tem o MAC que fica no Parque Ibirapuera - ver uma exposição de arte contemporânea chinesa.



Praça do Relógio

Cidade Universitária, chovendo

Para chegar lá, peguei um ônibus chamado "Butantã-USP", que passa na frente da minha casa. Esse ônibus é muito bom porque passa pela Praça Benedito Calixto e depois pela av. Paulista antes de ir para a USP e depois circula dentro da Cidade Universitária, mas, aos sábados, depois das 14h, os ônibus não param mais nos pontos para pegar as pessoas, aí tem que caminhar até um dos portões, sair da Cidade Universitária e pegar ônibus perto da saída (o portão mais próximo do MAC é o 1 e dá uns 30 minutos de caminhada até lá - é, depois de mais ou menos 1 hora no ponto de bus, comecei a me perguntar por que os ônibus não paravam quando eu dava sinal, até que um motorista e depois uma outra pessoa também me falaram o que acontece no sábado depois das 14h lá dentro: os buses não podem parar, GRRRRRRR!, então fica a dica). Como o campus fica meio vazio no fim de semana, é bom ir acompanhado. Eu tenho feito esses programas culturais sozinha por preguiça de chamar pessoas e também porque gosto de não ter ninguém me apressando ou me segurando (se eu não gostar, vou embora logo e pronto).

O quê? Comunidade de Gostos: Arte Contemporânea Chinesa desde 2000
Onde? MAC - USP
Rua da Praça do Relógio, 160
CEP 01212-012 / São Paulo - SP
Tel: (11) 3091-3039
Quando? De 27/01 a 24/04/2011 (terça a sexta das 10 às 18h / sábado, domingo e feriado das 10 às 16h)
Quanto? Grátis
Site: http://www.mac.usp.br/mac/

Vi várias pinturas e algumas instalações. Achei curioso uma "cabine" para as pessoas sentarem e terem os pés massageados e uma instalação com aparelhos domésticos (geladeira, máquina de lavar louça, entre outros) cortados para que a parte interna fosse exposta. Também tinha várias videoartes.

Além da exposição de arte chinesa, havia outras obras "ocidentais" (devem pertencer ao acervo permanente do MAC), além de obras dessa outra exposição.

Nenhum comentário: