Pages

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Rua da Consolação

Tem uma piadinha que muitos paulistanos contam que é assim: "Sabia que o casamento é igual à Paulista? Começa no Paraíso e termina na Consolação!". É porque a av. Paulista começa no bairro Paraíso e termina na Rua da Consolação...

Hoje desci na Paulista e passei pela Consolação, pois precisava pegar metrô na estação Paulista (linha amarela), para chegar em Pinheiros, e aproveitei para tirar umas fotos.

Adorei a linha amarela!


Adoro passar por esse "túnel", que passa sob a Rua da Consolação. Ele tem grafites dos dois lados e me dá a sensação de ter entrado em um "outro mundo", de ter ido parar num mundo psicodélico. Não deu para fotografar de cima, mas tem uma parte que tem uma Hello Kitty lasciva, é muito engraçado.



Fachada do cine Belas Artes

Para chegar à estação Paulista, passei pelo cine Belas Artes (Rua da Consolação, 2423), que fechou as portas em março deste ano. O Belas Artes exibia filmes ótimos (vários europeus e asiáticos, a maioria não comerciais), além de oferecer o "Noitão" - na última sexta-feira do mês, exibiam 3 filmes, da meia-noite às 6h de sábado, sorteavam brindes entre os intervalos das sessões e, no fim do 3º filme, a gente ganhava um café da manhã. Era muito legal; sempre que dava, eu ia.

Fiquei meio deprimida ao ver a situação do Belas Artes. Tudo pichado, abandonado, parecendo uma parte do centro decadente. Tinha até um(a) morador(a) de rua dormindo sob a inscrição "Carne é sangue". Daqui a pouco o lugar deve ser ocupado por uma igreja ou por um templo de consumo qualquer. Triste, muy triste.


2 comentários:

Morgana D'Almeida disse...

Quando esse cinema fechou eu fiquei muito triste. Nao tive a oportunidade de ir num desses noitões, e assisti alguns filme lá =) Coco Antes de Chanel foi um deles.

aline naomi disse...

Ah, nem me fale, Morgana! Eu ia acompanhando diariamente as notícias. Teve um dia em que noticiaram que talvez o cinema não fecharia as portas, talvez conseguiriam uma negociação, mas depois não deu. Muito triste! Espero que ele reabra em outro lugar na região da Paulista!