Pages

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Fragmentos de Carnaval

19 de fevereiro de 2012, domingo

Agora são umas 9h da manhã e escrevo em uma rede num apartamento de praia, de onde vejo um pedaço de céu azul e nuvens, flocos brancos de algodão.
Já tomei o café, Nescau e pãezinhos doces com queijo, depois de ter dormido por quase 12 horas. Eu precisava disso. Deixei de dormir duas noites na semana que passou (trabalho) e não dormi o suficiente nas outras noites. Embora eu sempre tenha a sensação de estar perdendo tempo quando durmo, sei que dormir é preciso. Então durmo quando preciso.
A Yuri está dormindo na sala. Colocamos colchão na sala porque é o lugar menos quente do apartamento. Às vezes tenho a impressão de estarmos em fuso horários contrários, em que só os períodos da tarde e começo da noite são comuns, digamos, das 14h às 22h.
Ontem fomos nadar no mar às 18h30. Enquanto a noite caía lentamente. Enquanto as outras pessoas, os "banhistas", guardavam suas coisas e iam embora.
Não consegui acordar antes do sol para vê-lo nascer hoje. Talvez amanhã.

Nenhum comentário: