Pages

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Festival Indie 2013 / Jean-Claude Brisseau


Na última quinta-feira começou o Festival Indie 2013, um festival de filmes independentes, que vai até o dia 3 de outubro de 2013. Os filmes estão sendo exibidos gratuitamente no CineSESC de São Paulo.

Eu e a Babu fomos lá na sexta e nos surpreendemos com um coquetel (que incluía champagne, vinho e aperitivos) que precedeu ao filme de abertura, "A garota de lugar nenhum" (La fille de nul part, 2012). 


Estava previsto que o diretor francês Jean-Claude Brisseau compareceria a essa sessão, mas não pôde ir devido a "problemas femininos", segundo uma das organizadoras. No entanto, ele esteve presente virtualmente, pois, além de dirigir, também era um dos protagonistas do filme.


Em "A garota de lugar nenhum", uma garota é encontrada por um escritor viúvo depois de ser espancada por um cara no prédio em que ele mora. Ele a acolhe e, em troca, ela o ajuda a editar o último livro que está escrevendo, enquanto episódios paranormais acontecem no apartamento. Aliás, uma curiosidade: o filme foi filmado no apartamento do próprio diretor/protagonista.

Talvez seja delírio meu, mas achei a atriz desse filme (Virginie Legeay) parecida com a Lady Gaga!

Virginie Legeay

Lady Gaga

 
Li algumas críticas negativas sobre o diretor e sua obra, mas, como gostei do estilo dele (que mistura erotismo, ingredientes de paranormalidade, humor inesperado e um quê de filosofia), na sexta fui ver "Coisas Secretas" (Choses Secrètes, 2002), também dirigido por ele.


Neste filme, Sandrine, uma bartender, faz amizade com Nathalie, uma stripper de um bar onde as duas trabalhavam, após serem despedidas. Sandrine vai morar com Nathalie, que lhe ensina a ter prazer ao se tocar e ser observada e "técnicas" de como seduzir um homem. Depois de tentar arranjar empregos comuns e não conseguir, Nathalie arquiteta um plano: as duas conseguirão emprego em uma empresa bem conceituada e Sandrine ascenderá socialmente ficando com pessoas importantes dentro dessa empresa.


O filme têm cenas de nudismo e de sexo e uma trama inicialmente simplória que lembram um pouco  filmes "soft porn", mas, na minha opinião, não chega a ser um filme dessa categoria por trabalhar os personagens com uma relativa profundidade.


Nos testes de seleção para "Coisas Secretas", parece que Brisseau pediu às candidatas que simulassem cenas de masturbação e lesbianismo (no filme há várias cenas assim) e depois foi acusado e processado por assédio. Foi condenado pela corte francesa a um ano de prisão (que cumpriu em regime aberto) e a pagar uma multa de 15 mil euros. Sobre essa questão, em uma entrevista para O Globo, ele afirma que foi tudo armação.

É difícil dizer se ele foi processado justa ou injustamente, mas fico pensando que ninguém é forçado a participar de audições com cenas eróticas; provavelmente ninguém colocou uma arma na cabeça das atrizes e as obrigou a se masturbar em frente às câmeras - pelo menos eu acho...

Em resposta à acusação e ao processo, ele escreveu e dirigiu o filme "Os Anjos Exterminadores" (Les anges exterminateurs, 2006), em que um diretor promove uma série de sessões com jovens atrizes para o seu novo filme. Se eu conseguir, verei este filme hoje.


O quê? Festival Indie 2013
Onde? CineSESC - Rua Augusta, 2075 - São Paulo - SP [estação de metrô mais próxima: Consolação]
Quando? De 20/9 a 03/10/2013, sessões no período da tarde
Quanto? Grátis; retirada de ingressos se inicia uma hora antes de cada sessão


Nenhum comentário: