Pages

domingo, 20 de março de 2016

Sábado é dia de Parque Ibirapuera!


Sábado é meu dia da semana preferido.

Nesse dia não preciso acordar às 5h40/ 5h45 como nos dias de semana. Acordo entre 6h30 e 7h, bem disposta, porque, em geral, é dia de caminhar no Parque Ibirapuera, e ontem foi um desses dias. 

A seguir, algumas fotos que tirei durante a caminhada:



Faz tempo, li em algum lugar que as pessoas demoram 6 (ou será que eram 8?) semanas para adquirir um novo hábito. Depois desse tempo, parece, fica mais difícil desistir do que quer que seja. Para mim, acho que é verdade. Retomei as caminhadas no começo desse ano e é estranho quando não caminho, parece que o dia ficou "incompleto". Incorporei as caminhadas à rotina diária, virou um hábito.

Mas, como eu ia dizendo, gosto de caminhar no "Ibira", como o parque é conhecido por aqui, porque sinto uma energia muito boa lá. Vejo pessoas caminhando, correndo, andando de skate, patins, jogando bola, andando de bicicleta, caminhando com o cachorro, levando as crianças para brincar ao ar livre, praticando ioga, tomando água de coco... elas estão lá, despreocupadas, tendo um dia de lazer, cuidando da própria saúde, do corpo e da mente, e me sinto bem em estar ali entre elas.

Na foto acima tem um pai caminhando e empurrando um carrinho com os filhos, provavelmente gêmeos. Às vezes vejo um homem ou uma mulher correndo e empurrando um desses carrinhos enquanto a criança dorme lá dentro. É muito legal ver que algumas pessoas não inventam desculpas para não fazer o que acham que devem, coisas do tipo: "Parei de caminhar/ correr no parque depois que Fulano nasceu, porque não tinha com quem deixá-lo, e engordei X quilos". Admiro muito pessoas que não deixam a preguiça e o comodismo tomarem conta de suas vidas; elas me inspiram e me servem de exemplo. Ter uma atitude passiva diante da vida sempre me incomoda.


Vi esse grupo praticando ioga e, poucos metros adiante, tinha outro grupo maior. Uma vez vi um cartaz com horários dessas aulas e talvez o preço, não lembro direito. Mas achei a ideia ótima. Praticar ioga num espaço aberto deve ser bem relaxante, apesar dos olhares curiosos.

Recorte de uma ponte no playground (gostei das cores) 


Adoro essas cores 

Mural na lateral de um dos banheiros espalhados pelo parque 

Mural pintado por OsGemeos em 2010

Perto da entrada do MAM (Museu de Arte Moderna), sob a marquise onde as pessoas costumam andar de skate e patins, tem um mural lindo pintado por OsGemeos! Pena que há alguns anos colocaram essa corda de isolamento e agora as fotos não ficam tão boas. Ruim morar num lugar onde isso precisa ser feito para que as pessoas respeitem o trabalho dos outros. (Vi um mural feito pelo Kobra pichado lá no parque mesmo... para mim é difícil entender por que algumas pessoas se comportam como animais...) 

Detalhe do mural  

Detalhe do mural 2

Qualquer dia vou alugar uma bicicleta para percorrer o parque inteiro (ou pelo menos a maior parte dele, principalmente os lugares que não conheço, como, por exemplo, o Pavilhão Japonês, onde teve uma exposição no começo do ano e eu não fui, porque não sabia onde ficava e também não procurei saber - sim, por pura preguiça).

Ontem foi dia de Ibira. Hoje fui caminhar na Av. Paulista, para variar os trajetos... :) 
De lembrança, trouxe essa foto:


Nenhum comentário: